quarta-feira, 16 de julho de 2014

Talvez eu consiga trilhar essa jornada...


Difícil saber quando sua vida vai voltar ao eixo.
Difícil enxergar onde perdi a motivação, para coisas que me impulsionarão.
Difícil entender quando esqueci meus princípios...
Difícil saber se um dia, haverá empolgação, sem você.
Difícil compreender por que algo tão simples para minha existência, tornou-se algo tão vulnerável.
Difícil concluir onde perdi o rumo,

Talvez possa ter sido em um ano qualquer...
Talvez em algum mês atípico...
Talvez em um dia específico.
Talvez possa ter sido a carência de você,
Talvez a falta das conversas motivacionais,
Talvez a ausência de você.
Talvez a sua partida, levou junto minha essência.
Talvez.

Espero que tudo isso, seja só um delírio de um coração de lágrimas.
Espero que seja só percalços, proporcionados pela lembrança de uma foto.
Espero revê-la logo, 
Espero compartilhar a eternidade ao seu lado. 

Sem privações. 
Sem dor.
Sem angústia.
Sem choro.
Sem arrependimentos.